Corregedor do TSE vai ouvir presidente e vice sobre pedido para juntar inquérito sobre notícias falsas em Aijes — Tribunal Superior Eleitoral

O corregedor-geral eleitoral, ministro Og Fernandes, permitiu nesta sexta-feira (29) que o presidente da República, Jair Bolsonaro, o vice-presidente, Hamilton Mourão, e empresários apontados por suposto impulsionamento de mensagens prestem informações no prazo de três dias sobre o pedido do PT para que sejam juntados às Ações de Investigação Judiciais Eleitorais (Aijes) dados do inquérito que apura ofensas a ministros do STF.

Depois do prazo de três dias, o corregedor determinou que, “com ou sem resposta”, o Ministério Público Eleitoral seja ouvido também em três dias.

Depois disso, ele avaliará qual será o procedimento a ser adotado em relação ao pedido do PT. 

Confira aqui o despacho do corregedor-geral eleitoral, Og Fernandes, na Aije 0601771-28.

Confira aqui o despacho do corregedor-geral eleitoral, Og Fernandes, na Aije 0601968-80.

LG, LC/DM

Fonte Oficial: http://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2020/Maio/corregedor-do-tse-vai-ouvir-presidente-e-vice-sobre-pedido-para-juntar-inquerito-sobre-noticias-falsas-em-aijes.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Live promovida pelo TSE debate desinformação no processo eleitoral — Tribunal Superior Eleitoral

Desinformação no processo eleitoral. Esse foi o tema da segunda live da série “Diálogos Democráticos”, …