Boletim ao vivo | Trabalho por celular fora do expediente garante horas de sobreaviso a técnico de redes


                         Baixe o áudio
      

 

A Primeira Turma do Tribunal Superior do Trabalho rejeitou o recurso da operadora de telefonia Oi contra a condenação ao pagamento de horas de sobreaviso a um técnico de redes de Curitiba, no Paraná. A Turma manteve o entendimento de que o empregado foi impedido de se desconectar das responsabilidades do trabalho e de dispor de seu tempo exclusivamente em benefício próprio.

Ouça mais informações sobre o caso na reportagem de Michelle Chiappa. 

Fonte Oficial: TST.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Claro Telefonia fica livre de multa por descumprir acordo judicial

A empresa de telefonia Claro não terá que pagar multa por descumprimento de acordo judicial …