Escola de Magistrados da JF da 3ª região abre inscrições para curso “Tempo de Pensar”

“Tempo de Pensar: Interlocuções entre Direito, Arte e Filosofia” é o novo curso oferecido para magistrados pela Escola de Magistrados da Justiça Federal da 3a Região (Emag), com o propósito de instigar a reflexão a partir do estudo sobre as relações entre essas três áreas.  As inscrições devem ser feitas até 13 de agosto, diretamente pelo site da Emag, podendo, entretanto, ser encerradas antes da data prevista, caso as vagas sejam preenchidas.

O conteúdo estará disponível aos inscritos entre 17 de agosto e 18 de setembro, no ambiente virtual de aprendizagem da Emag. O curso tem 35 horas-aula, com coordenação e tutoria da juíza federal de São Paulo Márcia Hoffmann do Amaral e Silva Turri, e é credenciado pela Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento dos Magistrados (Enfam).

Constam do programa três videoaulas: As Sementes do Tempo: Interpretação, Direito e Poder em Macbeth; Ficção, Filosofia e Desafios Éticos para um Futuro Não Tão Distante; e Kohlhaas: da Injustiça à Vingança.

Além das videoaulas, serão disponibilizados dois filmes e textos, que serão objeto de debates em atividades no fórum do curso. O filme “O Segredo de Seus Olhos”, dirigido Juan José Campanella, será analisado em discussão sobre a legitimidade do poder. O filme “Hannah Arendt”, dirigido por Magarethe von Trotta, será abordado no contexto de reflexão sobre as relações entre justiça e vingança.

Fonte: TRF3

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/escola-de-magistrados-da-jf-da-3a-regiao-abre-inscricoes-para-curso-tempo-de-pensar/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=escola-de-magistrados-da-jf-da-3a-regiao-abre-inscricoes-para-curso-tempo-de-pensar.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Juíza de Tefé (AM) determina remoção e internação de paciente com Covid-19 em UTI da capital

A juíza Nayara Antunes, em plantão judicial, determinou que o governo do Amazonas e a …