PB: Última fase de capacitação do PJe Criminal será iniciada nesta terça-feira (11/8)

A fase 3 da capacitação sobre o módulo criminal do Processo Judicial Eletrônico (PJe) será iniciada nesta terça-feira (11/8) com novas unidades judiciárias da Paraíba. O treinamento é voltado a magistrados e servidores e a lista das unidades consta no ofício circular da Diretoria da Tecnologia da Informação do TJPB enviado na quinta-feira (6/8).

Conforme o documento, a capacitação será ministrada em duas perspectivas, sendo a primeira, na modalidade de ensino a distância (EaD), e a segunda, por meio de seminários telepresenciais. O curso se encontra disponível, com as inscrições abertas no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), acessível pela intranet, no endereço eletrônico www.ead.tjpb.jus.br, contendo todo o material do curso e aulas gravadas na 1ª turma (fase piloto).

Já os seminários telepresenciais serão realizados na Plataforma Emergencial de Videoconferência para Atos Processuais (Webex), disponibilizada pelo CNJ e cujas instruções de uso podem ser encontradas no site https://www.cnj.jus.br/plataforma-videoconferencia-nacional/, onde são disponibilizados manuais e vídeos que auxiliarão na utilização do programa.

O gerente do PJe, Ney Robson, está conduzindo as capacitações e explicou que a primeira fase foi destinada aos magistrados e servidores das unidades pilotos além de policiais civis, os multiplicadores do Ministério Público, Defensoria e Polícia Federal. A segunda etapa foi feita com unidades que já utilizavam PJe e estavam em expansão para as competências criminal e infracional.

“Essa 3ª etapa possui aulas voltadas para as unidades que têm competência exclusivamente criminal, que não trabalham, ainda, com o PJe. Pela manhã, ocorrerão com os servidores, e pela tarde, com magistrados e assessores. Há aulas e vídeos explicativos para fixar o aprendizado, bem como os vídeos dos primeiros treinamentos. Também disponibilizamos acesso a uma plataforma que simula o ambiente de produção para que eles realizem as atividades e práticas. Resolvemos estender o treinamento, também, para os Juizados Especiais”, revelou.

A partir do dia 17 de agosto, o PJe Criminal estará implantado em todas as unidades da Paraíba e as novas ações só tramitarão pela plataforma virtual. Também já foi iniciada a fase de migração dos processos físicos em tramitação nestas unidades para o PJe.

“É uma fase inicial, em que teremos adaptações a serem feitas, tanto tecnologicamente, quanto pelos próprios usuários que vão se deparar com uma nova realidade. É um período cauteloso de mudança de paradigma e mudança de rotina, mas dentro do que foi programado, estamos prestando a assistência necessária, fazendo alterações de sistema diuturnamente. A expectativa é que, até o final do ano, estejamos com esta meta da gestão do Tribunal alcançada”, analisou Ney.

Unidades que serão capacitadas:

  • Bayeux: 1ª, 2ª, 5ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • Cabedelo: 1ª e 2ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • Cajazeiras: 1ª e 2ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • Campina Grande: 1ª, 2ª, 3ª, 4ª e 5ª Varas Criminais, Juizado Especial Criminal, Vara da Infância e Juventude, 1º e 2º Tribunal do Júri
  • Guarabira: 1ª e 2ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • Patos: 1ª, 2ª, 6ª e 7ª Varas Mistas, 1º e 2º Juizados Especiais
  • Santa Rita: 1ª, 2ª e 5ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • Sousa: 1ª, 2ª, 6ª e 7ª Varas Mistas e Juizado Especial
  • João Pessoa: 2ª Vara da Infância e Juventude, Vara Militar, 1ª, 2ª, 3ª, 4ª, 5ª, 6ª e 7ª Varas Criminais, 1º e 2º Tribunal do Júri e Juizado Especial Criminal

Fonte: TJPB

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/pb-ultima-fase-de-capacitacao-do-pje-criminal-sera-iniciada-nesta-terca-feira-11-8/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=pb-ultima-fase-de-capacitacao-do-pje-criminal-sera-iniciada-nesta-terca-feira-11-8.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Judiciário terá reserva de vagas de estágio para negros

Os processos seletivos para estágio nos órgãos do Poder Judiciário deverão reservar, no mínimo, 30% …