Confira a programação da Rádio Justiça para esta segunda-feira (23) – STF

Revista Justiça
O prazo de vigência da medida provisória que adiou para maio de 2021 a entrada em vigor da Lei Geral de Proteção de Dados vence no próximo dia 26. A possibilidade de a medida perder a validade criou um grande impasse sobre o tema. O programa desta segunda-feira vai ouvir um especialista sobre o que será necessário para se adequar à legislação. No quadro “Finanças”, vamos falar sobre os cuidados que as pessoas devem ter ao aplicar suas economias em moedas digitais, ou criptomoedas. Segunda-feira, às 8h.

A Hora do Maestro
O maestro Cláudio Cohen faz um passeio pelas grandes obras musicais escritas em todos os tempos trazendo o melhor da música clássica dos grandes compositores em interpretações especiais. No programa desta segunda-feira, obras de Anton Bruckner. Segunda-feira, às 13h e às 20h.

Justiça na Tarde
Um especialista vai explicar os casos em que o paciente que tem negada, pelo plano de saúde, solicitação médica de exames computadorizados pode pedir indenização na justiça, por ter de assumir os custos. Também vamos falar sobre o racismo no Brasil e as leis que tentam coibir essa prática. Vamos ouvir, ainda, um especialista em Direito Digital para explicar se o “print” de mensagens de celular pode ser usado como prova em processos por ataque à honra e à moral. Segunda-feira, às 14h05.

Rádio Justiça
A Rádio Justiça é sintonizada em 104,7 FM no Distrito Federal e pode ser ouvida pelo site radiojustica.jus.br. Acompanhe a programação e siga a Rádio Justiça pelo Twitter no endereço twitter.com/radiojustica.

 

Fonte Oficial: http://www.stf.jus.br/portal/cms/verNoticiaDetalhe.asp?idConteudo=450108.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Súmula que veda equiparação de vencimentos a servidor público se aplica a auxílio-alimentação – STF

Por unanimidade de votos, o Plenário Virtual do Supremo Tribunal Federal (STF) determinou que a …