Presidente do STJ participa de assinatura de acordo para dar rapidez às ações sobre auxílio emergencial – STJ

​​O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ), ministro Humberto Martins, participou nesta segunda-feira (31) do ato de celebração de um acordo de cooperação técnica entre o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o Ministério da Cidadania e a Empresa de Tecnologia e Informações da Previdência (Dataprev) para dar mais celeridade a ações judiciais relativas ao auxílio emergencial.

Instituído pela Lei 13.982/2020, o auxílio emergencial é um benefício mensal de R$ 600 pago durante três meses a trabalhadores informais e de baixa renda, microempreendedores individuais e também a contribuintes individuais do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 

O termo de cooperação foi assinado pelo presidente do Supremo Tribunal Federal e do CNJ, ministro Dias Toffoli, pelo ministro Onyx Lorenzoni, e pelo presidente da Dataprev, Gustavo Canuto. Atualmente, tramitam no Judiciário brasileiro cerca de 93 mil processos relativos ao auxílio emergencial.

A reunião aconteceu por videoconferência e foi transmitida pelo canal do CNJ no YouTube.

Concilia​​ção

Para o ministro Humberto Martins, a celebração do acordo entre o Poder Judiciário e o Poder Executivo – que possibilitará o compartilhamento de informações e o cruzamento de dados – deve propiciar um ganho efetivo tanto para os tribunais quanto para aqueles que precisam do auxílio.

“Essas medidas propiciarão uma melhoria na prestação jurisdicional, diminuindo o tempo razoável do processo e materializando uma política própria conciliatória nas questões afetas ao tema auxílio emergencial, diante do grave quadro de pandemia que assola o Brasil e o mundo”, avaliou o presidente do STJ.

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/FPn4jEqg8Hk/31082020-Presidente-do-STJ-participa-de-assinatura-de-acordo-para-dar-rapidez-as-acoes-sobre-auxilio-emergencial.aspx.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Ministro nega pedido de liberdade para ex-deputada Cristiane Brasil, presa na Operação Catarata – STJ

​​​​​O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Joel Ilan Paciornik negou nesta terça-feira (22) …