Nas redes sociais, senadores comentam saída de Deltan Dallagnol da Lava Jato — Senado Notícias

A saída do procurador da República Deltan Dallagnol da coordenação da força-tarefa da Operação Lava Jato em Curitiba (PR) foi comentada por senadores em publicações na internet. Na maioria, as postagens louvaram o papel desempenhado pelo procurador — que pediu afastamento da operação para dedicar-se ao cuidado da família — na Lava Jato desde 2014.

O senador Alvaro Dias (Podemos-PR), ao anunciar a saída de Deltan no Twitter, indagou se o fato representa “retrocesso” para a Lava Jato. “A ausência de Deltan significará grande desfalque pelo comportamento corajoso e imbatível e pela experiência vivida nesses seis anos de Lava Jato”, disse o senador.

Alvaro também encaminhou mensagem em vídeo em que Deltan explica os motivos de sua saída e declara que a Lava Jato ainda tem muito a fazer.

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) disse na rede social que “enfrentar o sistema corrupto exige coragem e sacrifício não só do combatente, mas de sua família e amigos. Deltan é um herói brasileiro. As mentiras impulsionadas com dinheiro sujo não vão apagar a história.”

Arolde de Oliveira (PSD-RJ) classificou como “seis anos de implacável combate à corrupção” o período de Deltan Dallagnol na coordenação da Lava Jato: “Que Deus o abençoe em nova caminhada sob o contínuo reconhecimento pelos inestimáveis serviços já prestados ao Brasil”, declarou.

Destacando a “sabedoria e tranquilidade” com que Deltan decidiu priorizar a família, o senador Flávio Arns (Podemos-PR) deu os parabéns ao procurador por sua postura correta: “Seu trabalho no combate à corrupção em nosso país é motivo de orgulho e será sempre valorizado por todos nós. Esperamos que você e sua família superem os novos desafios e que a Operação Lava Jato siga firme, sem retrocessos.”

Enquanto isso, o senador Lasier Martins (Podemos-RS) sublinhou os efeitos da saída de Deltan: “Os que temem [a Lava Jato] respiram aliviados, fabricam apelidos na tentativa de desqualificar o trabalho. Os que não temem, agradecem o empenho e esperam a continuidade das ações. Obrigado!”

O senador Major Olimpio (PSL-SP) divulgou sua “tristeza” com o acontecimento, mas disse estar seguro de que “o novo coordenador, Alessandro Oliveira, terá o mesmo êxito e empenho. A Lava Jato deve continuar e cada vez mais forte!”

Por fim, o senador Rogério Carvalho (PT-SE) questionou o papel de Deltan na força-tarefa, afirmando no Twitter que o procurador “disse que entrou na Lava Jato por acreditar num Brasil sem corrupção, mas perdeu a capacidade de transformar este sonho brasileiro em realidade por praticar a corrupção”. Ao cobrar julgamento e punição a Deltan, o parlamentar disse ser necessário impor “limites a quem se julga acima da lei”.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/09/01/nas-redes-sociais-senadores-comentam-saida-de-deltan-dallagnol-da-lava-jato.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Projeto que amplia atuação da Codevasf deve ser votado nesta semana — Senado Notícias

Senadores devem votar nesta semana o projeto que amplia área de atuação da Companhia de Desenvolvimento …