Senadores registram o início da campanha Setembro Amarelo de prevenção ao suicídio — Senado Notícias

Os senadores registraram nesta terça-feira (1) o início do Setembro Amarelo, campanha nacional de conscientização sobre a prevenção do suicídio. A escolha do mês é decorrente do Dia Mundial de Prevenção do Suicídio, comemorado no dia 10. Segundo dados da Organização Mundial da Saúde (OMS) estima-se que 800 mil pessoas morrem por suicídio todos os anos no mundo, a cada 40 segundos. No Brasil são registrados anualmente 12 mil suicídios. Os atendimentos de urgência cresceram durante a pandemia.

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) solicitou que durante o mês de setembro o Congresso Nacional fique iluminado na cor amarelo para alertar a necessidade da prevenção ao suicídio. Em suas redes sociais, ele falou sobre algumas causas. 

“Segundo o Ministério da Saúde, mais de 96% dos casos de suicídio estão relacionados a transtornos mentais, depressão, transtorno bipolar e/ou abuso de substâncias como a maconha — números que colocam essa entre as três principais causas de morte de pessoas entre 15 e 29 anos no mundo. Não podemos fechar os olhos para essa grande pandemia mundial que é o suicídio! Conscientizemos”.

Girão também destacou a importância do Legislativo em ações para a prevenção ao suicídio.

— Muita gente sofrendo, ainda mais nesse período de incertezas, de problemas com relação a desemprego, saúde pública. Então iniciativas do Congresso, de audiências públicas, de ações nesse sentindo — nós temos projetos de lei também para fortalecer políticas públicas — são prioridade máxima, questão de humanidade — explicou em entrevista à Rádio Senado.

O senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ) relatou dificuldades que a crise econômica gerou na pandemia desencadeando na população uma série de problemas tanto na saúde física quanto mental. Para o senador Fabiano Contarato (Rede-ES) é importante ajudar as pessoas que pensam em tirar a própria vida. 

“Setembro é o mês da campanha de conscientização sobre a prevenção ao suicídio. Precisamos falar sobre o tema e, mais do que isso, ajudar quem precisa. A vida é nosso bem maior.”

Já o senador Elmano Férrer (Podemos-PI) divulgou o trabalho do Centro de Valorização da Vida (CVV) na prevenção do suicídio.

“O dia de hoje marca o início da Campanha Setembro Amarelo que tem como objetivo a conscientização sobre a prevenção do suicídio. O Centro de Valorização da Vida (CVV) realiza apoio emocional a todas as pessoas que querem ou precisam conversar”.

CVV

O Setembro Amarelo é uma iniciativa do CVV, do Conselho Federal de Medicina (CFM) e da Associação Brasileira de Psquiatria (ABP). O Centro de Valorização da Vida é responsável por oferecer apoio emocional e prevenção ao suicídio, atendendo gratuitamente e sob sigilo por telefone (188), chat e email.

 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/09/01/senadores-registram-o-inicio-da-campanha-setembro-amarelo-de-prevencao-ao-suicidio.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Governo paga auxílio emergencial para 196 mil pessoas nesta quinta — Senado Notícias

O governo federal vai pagar auxílio emergencial para 196 mil pessoas nesta quinta-feira (28). Os …