CJF e CNJ firmam termo de cooperação técnica para compartilhamento de dados do DataJud – STJ

​O presidente do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e do Conselho da Justiça Federal (CJF), ministro Humberto Martins, e o presidente do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ministro Dias Toffoli, firmaram, nesta terça-feira (8), termo de cooperação técnica que viabiliza e regulamenta o acesso, pelo CJF, aos metadados da Base Nacional de Dados do Poder Judiciário (DataJud) referentes aos Tribunais Regionais Federais.​​​​​

Os ministros Humberto Martins e Dias Toffoli assinaram o acordo para que o CJF tenha acesso aos metadados do DataJud referentes aos Tribunais Regionais Federais.​ | Foto: CJF

O termo de cooperação tem por objetivo integrar plenamente o Judiciário federal, com a adoção de soluções uniformizadoras que favoreçam, além de uma economia de escala, a otimização da força de trabalho e dos recursos orçamentários. O documento também pretende tornar mais eficiente a prestação jurisdicional na Justiça Federal, por meio da formulação de políticas, diretrizes e metodologias comuns e da padronização dos procedimentos administrativos.

Com o acordo, o CJF fomentará, no âmbito da Justiça Federal de primeiro e segundo graus, a fidedignidade das informações apresentadas pelos TRFs e a correta utilização das Tabelas Processuais Unificadas (TPUs). “Esperamos, com isso, contribuir de forma significativa e proativa para que a Justiça Federal possa oferecer, cada vez mais, serviços de excelência para a sociedade”, afirmou o ministro Humberto Martins. “O acordo celebrado hoje viabiliza o acesso do CJF aos metadados da Justiça Federal no DataJud, resguardado o sigilo e a confidencialidade das informações”, destacou o ministro Toffoli.

Eficiência e produtivida​​​de

Na solenidade de assinatura, o presidente do CJF relatou que, na administração do Poder Judiciário, é necessário atuar sempre de mãos dadas, “pois é na pluralidade de ideias, de pensamentos, de visões diferentes, que se consegue achar as melhores soluções”.

O ministro também afirmou que, sem dados consistentes e confiáveis acerca da movimentação processual à disposição do CJF, não é possível pensar na implementação de políticas judiciárias para melhoria do Poder Judiciário. “Por isso, louvo aqui mais esse projeto da exitosa gestão do ministro Dias Toffoli, que possibilitou que o sistema de estatística do Poder Judiciário fosse bem estruturado, criando as bases para uma gestão cada vez melhor”, declarou o presidente do CJF.

DataJ​ud

Instituído pela Resolução CNJ 331/2020 como fonte primária de dados do Sistema de Estatística do Poder Judiciário (SIESPJ), o DataJud é responsável pelo armazenamento centralizado dos dados e metadados processuais relativos a todos os processos físicos ou eletrônicos, públicos ou sigilosos dos tribunais indicados nos incisos II a VII do artigo 92 da Constituição Federal.

Com informações da assessoria de imprensa do CJF

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/NKe450DLH7c/08092020-CJF-e-CNJ-firmam-termo-de-cooperacao-tecnica-para-compartilhamento-de-dados-do-DataJud.aspx.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Presidente do STJ entrega novas instalações à assessoria internacional – STJ

​​Uma das prioridades da nova gestão do Superior Tribunal de Justiça (STJ), a cooperação internacional …