Auxiliares de farmácia não têm direito a adicional de insalubridade

Um grupo de auxiliares de farmácia que trabalhava em um hospital de Vitória (ES) teve negado o pedido de adicional de insalubridade. A Quarta Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) entendeu que os empregados não tinham contato permanente com agentes insalubres. Acompanhe na reportagem de Talia Santos.

 

Processo: RR-186200-32.2013.5.17.0012

 

Confira outras notícias do Tribunal Superior do Trabalho em: http://www.tst.jus.br

Fonte Oficial: TST.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Trabalho em Pauta destaca a abertura de vagas temporárias para o fim do ano

                           Baixe o áudio Reproduzir o áudio  Pausar o áudio  Aumentar o volume  Diminuir o …