TRT-10ª – Sistema Eletrônico de Assistência Judiciária será disponibilizado no TRT-10 a partir de 1º de outubro – AASP

A partir das 10 horas do próximo dia 1º de outubro, será disponibilizado para o Tribunal Regional do Trabalho da 10ª Região (TRT-10) o novo Sistema Eletrônico de Assistência Judiciária – AJ/JT, ferramenta que passará a ser usada para gerenciamento do cadastro de peritos, tradutores e intérpretes que atuam na 10ª Região. Com isso, os profissionais que pretendem atender ao chamamento do Edital de Credenciamento 02/2020 e também os peritos que já se encontram habilitados no cadastro atual devem se cadastrar no novo sistema.

A nomeação de peritos, tradutores e intérpretes, de competência dos magistrados, passará a ser feita exclusivamente por meio desse sistema, de forma direta ou por sorteio, de acordo com a necessidade do juízo, a impessoalidade, a capacidade técnica do profissional e sua participação em trabalhos anteriores, em todos os processos, amparados ou não pela gratuidade de justiça.

O magistrado também passará a solicitar, exclusivamente pelo Sistema AJ/JT, os pagamentos de honorários periciais, de tradução e interpretação dos trabalhos realizados, finalizados e entregues, nos casos de processos amparados pela gratuidade de justiça. Da mesma forma, por meio do sistema os profissionais cadastrados poderão acompanhar e gerenciar as nomeações recebidas, bem como conferir os pagamentos de honorários previstos e efetuados. Assim, todos os profissionais que já prestam – ou pretendam prestar – serviços técnicos de perícia para o TRT-10 devem se cadastrar no sistema.

Cadastro

Para se inscrever no Sistema AJ/JT, os profissionais interessados devem fornecer as informações obrigatórias e anuir ao termo de compromisso relativo às exigências e às obrigações impostas na Resolução CSJT nº 247/2019. O profissional deverá optar pela categoria a que pretende se cadastrar: perito, tradutor ou intérprete. Caso reúna as habilitações e requisitos necessários, poderá efetuar o cadastramento em mais de uma categoria. Os documentos necessários para o cadastro, que devem ser digitalizados e enviados pelo próprio Sistema AJ/JT, estão listados no Edital de Credenciamento 02/2020.

 

Fonte: TRF-5ª

Fonte Oficial: AASP.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Proposta regulamenta contratação de pessoas com deficiência – AASP

Com objetivo de promover a inclusão mais efetiva de todas as pessoas com deficiência no …