Justiça do Trabalho potiguar adota novas formas de notificar empresas e advogados

Citação em papel, por telefone ou WhatsApp são algumas das formas utilizadas, atualmente, pelos oficiais de Justiça do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT21), com jurisdição no Rio Grande do Norte, para notificar empresas, trabalhadores e advogados dos atos processuais. Quando um empresário ou seu advogado recebe uma notificação judicial é porque geralmente tramita, numa das Varas do Trabalho de Natal ou do interior do estado, uma reclamação trabalhista apresentada contra a empresa que eles representam.

No documento apresentado pelo oficial de Justiça, consta o nome de quem apresentou a reclamação ou está cobrando uma dívida trabalhista. Em caso de dúvidas, ele pode questionar sobre o procedimento pessoalmente, por telefone ou pelo WhatsApp.

A orientação do Tribunal é para que seja feita a leitura do documento recebido e para que não haja hesitação quanto à solicitação de explicações ao servidor do TRT21. Em casos de não reconhecimento da dívida, a Justiça do Trabalho também está de portas abertas para receber a contestação.

Mesmo na fase de execução, quando não se discute mais quem tem direito, o pagamento da dívida pode ser parcelada ou negociada, por meio de acordo, conforme prevê a lei, diretamente na Vara do Trabalho onde o processo tramita. Todas as dúvidas poderão ser esclarecidas por telefone, pessoalmente ou por e-mail ou ainda pelo WhatsApp. Os contatos das Varas do Trabalho de Natal e do interior estão disponíveis no site www.trt21.jus.br.

Fonte: TRT21

Saiba mais no canal do TRT21 no YouTube

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/justica-do-trabalho-potiguar-adota-novas-formas-de-notificar-empresas-e-advogados/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=justica-do-trabalho-potiguar-adota-novas-formas-de-notificar-empresas-e-advogados.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Programa Fazendo Justiça inicia processo de pactuação com Tribunal de Sergipe

O Tribunal de Justiça de Sergipe (TJSE) foi o primeiro a participar das reuniões técnicas …