Coronavírus: Justiça do Trabalho do Paraná retoma audiências presenciais

O Tribunal Regional do Trabalho da 9ª Região (TRT9), com jurisdição no Paraná, iniciou a retomada gradual e sistematizada das atividades presenciais no dia 5 de outubro. Com base em um plano de retorno, que inclui rígidas normas sanitárias e de segurança, treinamento de pessoal e ampla comunicação, o Tribunal volta a realizar presencialmente alguns atos judiciais.

O Plano de Retomada das Atividades Presenciais foi aprovado pelo presidente do TRT9, desembargador Sergio Murilo Rodrigues Lemos, por meio do Ato 133/2020. Nessa primeira etapa, está autorizada a realização de audiências de instrução, presenciais e semipresenciais, com tomada de depoimentos. A lotação dos fóruns está limitada a 50% da capacidade, considerando a taxa de uma pessoa a cada 9m² na área do edifício, sendo obrigatório o uso de máscara e outros equipamentos de proteção individual.

O TRT9 autoriza ainda a atividade dos oficiais de Justiça, desde que o cumprimento não resulte em aglomerações em ambientes fechados. Também pode haver a realização de perícias fora das instalações dos Fóruns, devendo o perito, contudo, observar as normas de distanciamento social e de redução de concentração de pessoas em ambientes fechados. As outras atividades judiciais e administrativas do Tribunal continuarão sendo prestadas de forma remota.

As decisões do Regional estão ancoradas no “Plano de Retomada das Atividades Presenciais – Primeiro Grau de Jurisdição” aprovado pelo Observatório Covid-19/TRT9, grupo de trabalho que conta com a participação de magistrados, servidores, Associação dos Magistrados do Trabalho da 9ª Região – Amatra9, Ministério Público do Trabalho do Paraná – MPT-PR, Ordem dos Advogados do Brasil, Seção Paraná – OAB/PR e Sindicato dos Servidores da Justiça do Trabalho – Sinjutra.

O documento foi elaborado segundo critérios técnicos estabelecidos pelos órgãos de saúde, regras de biossegurança previstas no “Protocolo Interno do TRT9 para prevenção e controle do novo coronavírus (Covid-19)”, regras de aquisições do Tribunal de Contas da União (TCU) e normativos expedidos pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) e Corregedoria Regional do Justiça do Trabalho (CGJT).

O Plano de Retomada das Atividades Presenciais prevê ainda duas etapas de ampliação gradual do retorno, que serão implementadas somente após a divulgação de marcos sanitários favoráveis e específicos pela Secretaria de Saúde do estado do Paraná.

Acesse o Plano de Retomada das Atividades Presenciais” – Primeiro Grau de Jurisdição

Fonte: TRT9

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/coronavirus-justica-do-trabalho-do-parana-retoma-audiencias-presenciais/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=coronavirus-justica-do-trabalho-do-parana-retoma-audiencias-presenciais.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Plantão extraordinário impede pagamento de horas extras na Justiça de Alagoas

Os servidores do Tribunal de Justiça do Estado de Alagoas (TJAL) vinculados aos programas “Gabinete …