Revista destaca que empregado que comprovou doença ocupacional obtém indenização

(0:53) Motorista de ônibus teve negado direito a intervalo de 30 minutos a cada quatro horas de trabalho. Para a SDI-1, o intervalo só é devido a condutores que fazem viagem de longa distância.

(3:10) Pedreiro tem negado pedido de penhora dos proventos de aposentadoria de um ex-sócio de empreiteira que lhe devia verbas trabalhistas.

(5:36) Uma empresa de engenharia em Santa Catarina terá de indenizar um empregado em R$ 12 mil reais. O profissional comprovou ter desenvolvido doenças ocupacionais.

(10:52) Veja a agenda da próxima semana de sessões telepresenciais do Tribunal Superior do Trabalho.

(12:16) Iniciativa Bem-te-vi, do Tribunal Superior do Trabalho, leva prêmio “Inovação Judiciário Exponencial”, na categoria Institucional.

O Revista TST é exibido pela TV Justiça às sextas-feiras, às 19h30. O programa é reprisado aos domingos, às 3h; segundas, às 7h; terças, às 20h30; e quintas, às 22h. Todas as edições também podem ser assistidas pelo canal do TST no Youtube: www.youtube.com/tst.

Confira outras notícias do Tribunal Superior do Trabalho em: http://www.tst.jus.br 

Fonte Oficial: TST.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Representante comprova que empresa controlava jornada por meio do celular corporativo

O controle da jornada autoriza o pagamento de horas extras. Homem manipulando telefone celular 03/12/20 …