Aprovada indicação de Carlos Manuel Baigorri para Conselho Diretor da Anatel — Senado Notícias

Por 13 votos a 1, a Comissão de Infraestrutura (CI) aprovou a indicação do economista Carlos Manuel Baigorri para integrar o Conselho Diretor da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). A sabatina foi realizada na tarde desta segunda-feira (19), sob a relatoria do senador Eduardo Gomes (MDB-TO). O nome ainda precisa passar pelo Plenário. 

Levar cobertura de celular e internet a todos os municípios do país é um dos maiores desafios da agência reguladora, na opinião de Carlos Manuel Baigorri. Segundo ele, a pandemia de covid-19 deixou clara a desigualdade entre as classes sociais no que diz respeito à conectividade. 

— O papel da Anatel é tentar atacar esse problema de duas formas diferentes. Uma forma é pelo lado da oferta. Ou seja, levar oferta, levar conectividade para essas localidades, pois há locais onde o cidadão tem o recurso, tem a renda para contratar, mas o serviço não está disponível. E há o problema do lado da demanda, em que o serviço está disponível, mas o cidadão não tem condições financeiras de contratar — explicou. 

Para a questão da demanda, Carlos Baigorri defendeu o destravamento dos recursos do Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) para que sejam usados para outros fins que não a telefonia fixa. 

— A lei limita que esses recursos do Fust sejam utilizados somente para o fomento da telefonia fixa. Mas o cidadão não quer mais telefonia fixa. O desafio hoje não é a telefonia fixa. É a internet — afirmou. 

Vida profissional

Carlos Manuel Baigorri é servidor efetivo da Anatel, onde entrou por concurso público em 2009. Brasileiro naturalizado desde 2009, nasceu na cidade de Saint-Louis, estado do Missouri, nos Estados Unidos, em 1984.

Graduou-se em ciências em ciências econômicas pela Universidade de Brasília (UnB), em 2006, e em política e estratégia pela Escola Superior de Guerra (ESG), em 2014. Obteve os títulos de mestre em economia pela Universidade Católica de Brasília (UCB), em 2009, e o de doutor em economia de empresas pela mesma Universidade, em 2014.

Regras

Criada pela Lei 9.472, de 1997 (Lei Geral de Telecomunicações), a Anatel é uma autarquia especial, vinculada ao Ministério das Comunicações, e é caracterizada pela independência administrativa, ausência de subordinação hierárquica, autonomia financeira, estabilidade e mandato fixo de seus dirigentes pelo prazo de cinco anos.

O conselho diretor da Anatel é composto de cinco conselheiros, todos brasileiros, de reputação ilibada, com formação universitária e elevado conceito no campo de especialidade do cargo a ser exercido. A nomeação deve será precedida de aprovação pelo Senado Federal. 

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/10/19/aprovada-indicacao-de-carlos-manuel-baigorri-para-conselho-diretor-da-anatel.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Maioria apoia 14º salário emergencial para aposentados, aponta DataSenado — Senado Notícias

Enquete do Instituto DataSenado mostra que 99% das pessoas consultadas concordam com a criação do …