Morre o senador Arolde de Oliveira, aos 83 anos, vítima de covid-19 — Senado Notícias

O senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ) faleceu na noite desta quarta-feira (21), aos 83 anos, vítima de falência múltipla de órgãos. O senador pegou covid-19 ainda em setembro e no início de outubro precisou ser internado em função da doença. 

A morte de Arolde foi anunciada pela sua assessoria por meio de nota divulgada por sua família: 

“Preciosa é à vista do Senhor a morte dos seus santos.” (Salmos 116:15)

Comunicamos que nesta noite (dia 21 de outubro) o Senhor Jesus recolheu para si nosso amado irmão, Senador Arolde de Oliveira.

Falecido vítima de Covid e como consequência a falência múltipla dos órgãos.

A família agradece desde já todas as manifestações de carinho e orações recebidas todos estes dias.”

Biografia

Arolde de Oliveira estava em seu primeiro mandato como senador, para o qual foi eleito em 2018, com 2,3 milhões de votos no Rio de Janeiro. Era militar, engenheiro e economista. Casado com Yvelise de Oliveira e pai de dois filhos.

Natural de São Luiz Gonzaga (RS), foi para o Rio de Janeiro na década de 60, quando ingressou no Instituto Militar de Engenharia (IME), para estudar o Curso de Engenharia Eletrônica. Já na década de 70, começou a trabalhar na recém-criada Embratel, onde acabou se especializando em sistemas de telecomunicações. Chegou a secretário de telecomunicações do Ministério das Comunicações.

Em 1983 assumiu interinamente o cargo de deputado federal. E em 1986 foi eleito pela primeira vez para a uma vaga na Câmara dos Deputados, dando início a uma sucessão de nove mandatos como parlamentar. Foi constituinte e um dos defensores da privatização das telecomunicações. Também foi secretário municipal de Transportes do Rio de Janeiro e secretário estadual de Trabalho. 

O senador era também fundador da MK Music, uma das maiores gravadoras de música gospel do país.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/10/21/morre-o-senador-arolde-de-oliveira-aos-83-anos-vitima-de-covid-19.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Maioria apoia 14º salário emergencial para aposentados, aponta DataSenado — Senado Notícias

Enquete do Instituto DataSenado mostra que 99% das pessoas consultadas concordam com a criação do …