ex-ministra Luciana Lóssio defende maior participação feminina nos cargos eletivos — Tribunal Superior Eleitoral

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulga nesta quinta-feira (22) o segundo vídeo da série “Mulheres”, produzida pela Assessoria de Comunicação do Tribunal. O material tem como objetivo promover e valorizar o papel feminino em busca de mais espaço na política e na vida pública. A série é composta por cinco vídeos, com a participação de personalidades femininas do país.

Assista ao vídeo com a ex-ministra do TSE Luciana Lóssio.

No segundo vídeo da série, a ex-ministra do TSE Luciana Lóssio afirma que a Justiça Eleitoral está atenta ao problema da sub-representação feminina na democracia brasileira.

“É chegada a hora de as mulheres, que são a maioria do eleitorado, a maioria da população brasileira, fazerem com que essa sua representatividade majoritária também se reflita nos cargos eletivos”, ressalta Luciana Lóssio em um dos trechos do vídeo.

A série de vídeos “Mulheres” pode ser vista no canal do TSE no YouTube, na TV Justiça e em diversos canais parceiros da Justiça Eleitoral em todo o país. O primeiro vídeo da série trouxe uma mensagem de Maria da Penha, símbolo da luta pelo fim da violência contra a mulher.

TSE Mulheres

O TSE vem implementando várias iniciativas pela valorização e maior participação feminina na conquista de espaços na esfera política. Esse esforço é coordenado pela Comissão Gestora de Política de Gênero do Tribunal (TSE Mulheres). Criado pela Portaria nº 791/2019, o grupo busca fortalecer o papel do Tribunal no estímulo às ações voltadas para atender a esses objetivos.

EM/LC, DM

Leia mais:

21.10.2020 – TSE lança série “Mulheres” com vídeos sobre participação feminina na política

 

 

Fonte Oficial: https://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2020/Outubro/serie-mulheres-ex-ministra-luciana-lossio-defende-maior-participacao-feminina-nos-cargos-eletivos.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

E-Título registra mais de 4 milhões de downloads e é o app mais baixado do país nesta segunda (9) — Tribunal Superior Eleitoral

Nesta segunda-feira (9), o número de downloads do e-Títulos superou os quatro milhões. O aplicativo …