Falta de perícia prejudica ação de empregado que sofreu acidente de trabalho

Um empregado que se acidentou de moto a caminho do trabalho ajuizou ação trabalhista solicitando indenização por danos morais e materiais, mas teve o pedido negado. O caso chegou então à Segunda Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST), que determinou a volta do processo trabalhista para o juízo de primeiro grau. O juiz responsável não havia determinado a realização de perícia no acidente. Entenda o caso com a repórter Talia Santos.

Processo: RR-21278-45.2015.5.04.0406

Confira outras notícias do Tribunal Superior do Trabalho em: http://www.tst.jus.br

Fonte Oficial: TST.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Crachá e nome em organograma como diretor executivo confirmam vínculo de emprego de consultor

Representante da transportadora confirmou que o profissional tinha poder para admitir e demitir Homem de …