Comunicado da Presidência do STJ – STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) comunica que, nesta quarta-feira (18), a Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (STI) concluiu o restabelecimento dos sistemas de informática da Corte, proporcionando ao Tribunal da Cidadania que cumpra diariamente o papel destinado a ele pela Constituição Federal de 1988.

O Sistema Integração do STJ, que permite o recebimento e a baixa de processos recursais dos tribunais de justiça do País e dos tribunais regionais federais, já está disponível. Também se encontra em funcionamento o sistema Push, por meio do qual os advogados conseguem receber, por e-mail, informações sobre o andamento de processos que tramitam no STJ.

A STI finalizou, ainda, os trabalhos na rede interna do tribunal, restando somente ajustes pontuais em aplicações administrativas que ainda apresentam instabilidades momentâneas.

Em ofício dirigido ao presidente da Corte, o ministro de Estado da Justiça e Segurança Pública, André Luiz de Almeida Mendonça, informa a abertura de inquérito policial para apuração do ataque hacker à rede de tecnologia da informação do STJ, bem como o compromisso de manter o Tribunal sempre informado sobre a evolução da investigação.

Por último, vale ressaltar que a Polícia Federal segue com a apuração dos efeitos do ataque hacker, inclusive quanto à extensão do acesso aos arquivos, bem como sobre eventual cópia de dados. A investigação corre em sigilo.

O restabelecimento dos sistemas foi executado pela equipe da STI do STJ, com a assessoria das empresas Microsoft e Atos, e, ainda, com o apoio do Comando de Defesa Cibernética do Exército brasileiro e do Serpro.

Ministro Humberto Martins
Presidente do STJ/CJF

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/7nyYB8hJk1I/18112020-Comunicado-da-Presidencia-do-STJ.aspx.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Apreensão de veículo usado em infração ambiental independe de uso exclusivamente ilícito – STJ

Em julgamento sob o rito dos recursos repetitivos, a Primeira Seção do Superior Tribunal de …