Davi cobra providências e pede ações do governo federal no Amapá — Senado Notícias

Na tarde desta quinta-feira (19), o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, reuniu-se com presidente da República, Jair Bolsonaro, para discutir soluções para a crise energética e seus efeitos sobre a população do Amapá, que vem sofrendo com o apagão. Na sequência, Davi encontrou-se com o ministro da Economia, Paulo Guedes, que afirmou que há “ferramentas e saídas disponíveis” para ajudar o Amapá em decorrência da tragédia energética.

— A situação do Amapá é de calamidade. O estado vive uma tragédia, e é preciso uma ação do governo federal para mitigar os prejuízos da população. Há saídas e mecanismos para isso — afirmou o ministro.

Ao presidente Bolsonaro, Davi declarou que fez um contundente relato sobre as  dificuldades por que passam os amapaenses.

— A situação do Amapá é  dramática e as pessoas estão sofrendo. Expus ao presidente Bolsonaro a urgência de um auxílio extraordinário que possa recompor parte do prejuízo e dos estragos que a população vem amargando — disse Davi.

O presidente do Senado chamou Bolsonaro para ver de perto a situação no Amapá. A data não está confirmada, mas a expectativa é de que o chefe do Executivo desembarque em Macapá ainda neste sábado (21).

Assessoria de Imprensa da Presidência do Senado.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/11/19/davi-cobra-providencias-e-pede-acoes-do-governo-federal-no-amapa.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Recém-formados da área da saúde poderão ter incentivo a atuar pelo SUS — Senado Notícias

Profissionais recém-formados na área da saúde deverão atuar por até três anos em locais que …