MomentoArquivo relembra caso que pôs em pauta a responsabilidade por propaganda enganosa em TV – STJ

​A 20ª edição do MomentoArquivo – “Publicidade de Palco – De quem é a responsabilidade do que foi anunciado?” – já está disponível no site do Superior Tribunal de Justiça (STJ). O informativo on-line expõe o caso de um cliente lesado por propaganda enganosa em programa televisivo sobre uma empresa financeira.

Após o Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul (TJRS) reconhecer a responsabilidade tanto da emissora quanto da financeira e determinar que ambas arcassem com a indenização ao telespectador, o caso chegou ao STJ, onde foi julgado em 2011.

No entendimento do relator, o então ministro Aldir Passarinho Junior, a emissora não podia ser enquadrada como fornecedora do serviço. A responsabilidade de indenizar ficou para a financeira, por não dar o empréstimo como prometido no anúncio.

O Momen​​to

MomentoArquivo é produzido pela Seção de Atendimento, Pesquisa e Difusão Documental do STJ e integra o Arquivo.Cidadão, que tem como objetivo fomentar atividades de preservação, pesquisa e divulgação. Mensalmente, traz decisões históricas do tribunal, que causaram impacto nos meios jurídicos e na vida da sociedade.

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/ECHT3mpVauw/02122020-MomentoArquivo-relembra-caso-que-pos-em-pauta-a-responsabilidade-por-propaganda-enganosa-em-TV.aspx.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Terceira Seção vai fixar tese sobre uso de condenações passadas no cálculo da pena – STJ

​A Terceira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) submeteu, para julgamento sob o rito …