Paim sugere criação de Frente Parlamentar Mista Antirracismo — Senado Notícias

O senador Paulo Paim (PT-RS) está sugerindo ao Congresso Nacional a criação da Frente Parlamentar Mista Antirracismo. A intenção é juntar esforços de deputados e senadores em favor de uma pauta que combata o racismo no país. Conforme informou Paim, a previsão é que a instalação da frente ocorra no início do ano que vem, “com um grande ato simbólico, para promoção da igualdade racial e do combate ao racismo”.

— A finalidade da frente é promover debates e iniciativas no âmbito do Congresso Nacional a respeito de políticas públicas e demais medidas que busquem efetivar a igualdade racial prevista na Constituição, contando com a participação dos mais diversos segmentos da sociedade — explicou.

O senador acrescenta que a frente vai trabalhar também com outras temas, como o mercado de trabalho, o direito à moradia e o enfrentamento à violência nas suas mais variadas formas. Cultura, esporte, lazer e saneamento são outros assuntos que certamente estarão entre as bandeiras da frente.

Segundo Paim, o grupo de deputados e senadores ainda vai batalhar pela implementação das leis que tratam do ensino e da valorização da atuação dos negros na história do Brasil (Lei 10.639, de 2003,  e Lei 11.645, de 2008). O senador ressalta que a atuação do Congresso Nacional é importante para conceder tratamento digno a todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade ou quaisquer outras formas de discriminação.

A proposta de criação da frente já conta com o apoio de outros senadores. Pelo Twitter, o senador Jean Paul Prates (PT-RN) manifestou seu apoio à sugestão de Paim. Segundo o senador, a frente “será mais uma ação da nossa na luta contra o racismo no Brasil”. Ele ainda completou: “Não podemos mais tolerar atos racistas e preconceituosos no país”. Paim disse estar feliz com o apoio de vários parlamentares, mas destacou que é preciso o “apoio de todas e todos para combater o racismo no Brasil”.

— Vamos apoiar essa ideia. Vamos combater o racismo no Brasil — pediu.

Projetos

Tramitam no Congresso vários projetos de iniciativa de Paim que tratam do combate ao racismo. No dia 25 de novembro, o Senado aprovou o projeto de lei que inclui motivações de preconceito racial e sexual como circunstâncias agravantes de pena para qualquer tipo de crime. O PLS 787/2015 foi encaminhado para a Câmara dos Deputados.

Presidente da Comissão de Direitos Humanos (CDH), Paim também já informou que pediu ao presidente do Senado, Davi Alcolumbre, urgência para a votação de projetos que tratam de racismo. Veja, abaixo, os projetos para os quais Paim pediu urgência:







Projetos que tratam de racismo

PEC 33/2016       

Cria o Fundo de Promoção da Igualdade Racial

PL 4373/2020 

Classifica como crime de racismo a injúria racial

PL 5231/2020 

Veda a conduta de agente público ou de profissional de segurança privada fundada em preconceito de qualquer natureza

PL 4656/2020 

Estende por mais dez anos a vigência da política de cotas no acesso às instituições de educação superior

PLS 239/2016 

Atualiza as normas sobre o exame de corpo de delito e perícias criminais

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2020/12/04/paim-sugere-criacao-de-frente-parlamentar-mista-antirracismo.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Próxima sessão do Congresso tem pauta com 33 vetos presidenciais — Senado Notícias

A próxima sessão do Congresso Nacional, prevista para a primeira quinzena de março, será dedicada …