Coordenação Nacional das Relações Brasil-China promove integração com as seccionais da OAB – OAB

A Coordenação Nacional das Relações Brasil-China (CNRBC) da
OAB realizou eventos em parceria com a OAB-RJ, OAB-PA, ESA-PA, OAB-PE e ESA-PE
para fomentar as relações bilaterais do Brasil com a China e a importância dos
negócios e da integração entre as duas nações. A coordenação está se empenhando
para promover a amizade e a troca de conhecimento jurídico entre os dois povos,
através da instalação de núcleos da CNRBC em diversos estados do país, sendo
que já está presente em 17 seccionais e tem representantes de todos os estados
no colegiado nacional.

Conferência da Advocacia da OAB-PA

 

A relação Brasil/China foi destaque na VIII Conferência Estadual
da Advocacia, maior evento jurídico promovido pela OAB Para´ e a Escola
Superior da Advocacia – ESA-PA. Um dos painéis do evento abordou “A Estratégica
Relação entre o Brasil e a China: Pragmatismo, Segurança Jurídica e
Oportunidades para a Advocacia”. O presidente da CNRBC, Thomas Law, destacou as
diferentes oportunidades para os advogados e advogadas que têm interesse na
relação próspera entre empresas chinesas e brasileiras e tratou ainda da
quantidade crescente de investimentos feitos pelas empresas de tecnologia
chinesas no país.

O vice-presidente da CNRBC, Sóstenes Marchezine, enfatizou
que o objetivo do trabalho desenvolvido pela coordenação é colaborar, de forma
pragmática, para o bem das duas nações. Ele afirmou ainda que a atuação já
repercute positivamente no âmbito diplomático, com o reconhecimento da
Embaixada e dos Consulados da China no Brasil, a formação de frentes
parlamentares dedicas ao tema nas assembleias legislativas, nos estados, e
eficaz integração com o Congresso Nacional, a partir do Comitê de Crise,
instituído pela FrenCOMEX.

 

Webinário OAB-PE e ESA-PE

 

O trabalho do colegiado também foi destaque em um webinário
promovido pela OAB-PE e pela ESA-PE, com o tema “Diálogos e Perspectivas Comerciais,
Investimentos e Parcerias em Infraestrutura Com a China em Pernambuco”. Thomas
Law ressaltou ser também objetivo da CNRBC demonstrar e promover as
oportunidades que o relacionamento com a China traz para advocacia, sobretudo
frente a necessidade de atuação para garantir segurança jurídica aos negócios e
intenso fluxo de investimentos internacionais, que tende a crescer e se
consolidar ainda mais nos próximos anos. Nesse sentido, Sóstenes Marchezine
citou projetos da CNRBC em parceria com a China Law Society, como a edição de
livros e a realização de forum bilateral, para aperfeiçoar o mútuo conhecimento
sino-brasileiro.

O presidente da OAB-PE, Bruno Baptista, destacou a
importância do trabalho da CNRBC na efetiva integração com as seccionais,
inclusive com a criação de núcleos em todos os estados do Brasil.

 

OAB-RJ promove webinário e dá posse a Coordenação Estadual
das Relações Brasil-China

 

Já o trabalho junto à OAB-RJ culminou na realização conjunta
de um webinário com a participação de grandes especialistas, logo após do ato
solene de lançamento da Coordenação Estadual das Relações Brasil-China na
seccional fluminense da Ordem. A cerimônia representa um marco na integração e
cooperação das relações entre a China e o Brasil.

Foram feitas homenagens a diversas personalidades que se
destacaram na promoção das relações entre as duas nações. Todos os palestrantes
puderam detalhar diferentes questões relacionadas com a integração e cooperação
sino-brasileira. Também falaram sobre a importância da relação comercial com a
nação oriental, que é a maior parceira comercial do Brasil há mais de uma
década.

O Presidente da CNRBC, Thomas Law, destacou o quórum
qualificado dos membros do núcleo do Rio de Janeiro – que conta, inclusive, com
a participação não só de advogados, mas de profissionais multidisciplinares – e
o trabalho de excelência que vem sendo realizado em parceria com a OAB/RJ. Para
o vice-presidente Sóstenes Marchezine, o trabalho de integração com todos os
estados é árduo e desafiador, mas também um grande privilégio promover a
cooperação internacional com a participação de profissionais de destaque em
suas áreas.

Fonte Oficial: http://www.oab.org.br/noticia/58623/coordenacao-nacional-das-relacoes-brasil-china-promove-integracao-com-as-seccionais-da-oab.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

“Combate à corrupção não pode ser feito fora da lei e da Constituição”, diz Santa Cruz – OAB

O presidente nacional da OAB, Felipe Santa Cruz, afirmou que a Ordem possui papel central …