Profissional obtém horas extras após comprovar jornada controlada

A Segunda Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) reconheceu que um representante da empresa oftalmológica Optotal Hoya S.A., de São Paulo (SP), tem direito a horas extras, apesar de fazer trabalho externo. A Turma entendeu que havia meios para controlar a jornada do empregado indiretamente pelo celular.  Acompanhe o caso com o repórter Daniel Vasques.

Processo: RR-392-53.2014.5.02.0038

Confira outras notícias do Tribunal Superior do Trabalho em: http://www.tst.jus.br

Fonte Oficial: TST.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Boletim ao vivo | Operador receberá salário de férias em dobro por atraso no pagamento

                           Baixe o áudio Reproduzir o áudio  Pausar o áudio  Aumentar o volume  Diminuir o …