Comissão da Covid-19 ouve governadores de Santa Catarina e Amazonas — Senado Notícias

A comissão temporária criada para acompanhar as ações contra a covid-19 (CTCovid19) ouve nesta quinta-feira (11), a partir das 9h, os governadores de Santa Catarina, Carlos Moisés, e do Amazonas, Wilson Lima. O objetivo é debater as dificuldades encontradas pelos estados no enfrentamento da pandemia e avaliar o colapso nos sistemas de saúde locais e o estágio da vacinação.

Também foram convidados os governadores da Bahia, Rui Costa; do Ceará, Camilo Santana; do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite; e do Distrito Federal, Ibaneis Rocha. Eles ainda não confirmaram presença.

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, deve participar da reunião.

— Faço questão de, na próxima reunião dessa comissão, que eu possa, como presidente do Senado, participar e trazer, através dos meios de comunicação do Senado Federal, toda a repercussão daquilo que o Senado tem feito em favor do enfrentamento dessa pandemia — afirmou Pacheco durante sessão plenária nesta terça-feira (9).

Acompanhamento

Na segunda-feira (8), o colegiado aprovou o plano de trabalho apresentado pelo relator, senador Wellington Fagundes (PL-MT). A comissão vai acompanhar as questões de saúde pública relacionadas ao coronavírus, a situação fiscal e a execução orçamentária e financeira das medidas relacionadas à pandemia. Os trabalhos terão a duração de quatro meses.

A comissão começou a funcionar em 3 de fevereiro, quando foram eleitos o presidente e o vice-presidente do colegiado, senadores Confúcio Moura (MDB-RO) e Styvenson Valentim (Podemos-RN).

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/03/10/comissao-da-covid-19-ouve-governadores-de-santa-catarina-e-amazonas.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Gastos com Previdência podem chegar a R$ 21 bi em 2021, segundo a IFI — Senado Notícias

Os gastos com Previdência no ano que vem foram superestimados em até de R$ 21 …