Senadores fazem um minuto de silêncio pelas quase 270 mil vítimas da covid-19 — Senado Notícias

Os senadores fizeram um minuto de silêncio em homenagem aos mortos pela covid-19 no país. Na sessão deliberativa remota desta terça-feira (9), o senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP) ressaltou que foi registrado um recorde com cerca de 1.954 óbitos nas últimas 24 horas.

— O maior recorde diário da pandemia até agora. Isso se soma à tragédia que foi semana passada. 20% dos mortos de covid no mundo, na semana passada, são brasileiros, são irmãos compatriotas, irmãos e irmãs compatriotas nossos. O mais trágico é que se as medidas [de combate à pandemia] tivessem sido tomadas, pelo menos duas de cada uma dessas quatro mortes poderiam ter sido evitadas — lamentou o senador.

A senadora Rose de Freitas (MDB-ES) também lamentou o alto número de mortes no Brasil e fez um desabafo emocionado, pedindo a compra imediata das vacinas para imunizar a população. Ela pediu apoio ao presidente do Senado, Rodrigo Pacheco. 

Senhor presidente, não sei mais o quê, mas nós precisamos fazer mais alguma coisa. Nos ajude a trazer esses laboratórios para declararem quanto podem produzir de vacina e que nós obriguemos o governo a comprá-las. Ou [possamos] permitir que o faça qualquer pessoa da indústria, do setor empresarial, as prefeituras, que possam comprar e aplicar essas vacinas — apelou Rose de Freitas.

Em resposta, Pacheco, garantiu que já está fazendo tudo que é possível para resolver este o problema da falta de vacinas.

— Conversei com o Ministro da Economia, Paulo Guedes, que tratou ontem com o Laboratório Pfizer, e deu-me uma notícia boa de antecipação do cronograma da Pfizer e do aumento do número de doses. Igualmente a Fiocruz e o Butantan — afirmou o presidente da Casa, autor do Projeto de Lei (PL) 534/2021, que autoriza estados, municípios e setor privado a comprarem vacinas contra a covid-19 que tenham registro ou autorização temporária de uso no Brasil. O texto já foi encaminhado à sanção presidencial.

Cenário crítico

Segundo levantamento divulgado pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), o país registrou nesta terça-feira um novo recorde: foram 1.954 óbitos causados pela covid-19, contabilizados em um período de 24 horas, o maior número desde o início da pandemia. Foram registradas nas últimas 24 horas mais de 70 mil novas infecções de covid-19. De acordo com registros oficiais, o Brasil já perdeu quase 270 mil vidas para a doença e computou cerca de 11,1 milhões de casos de contaminação.​

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/03/09/senadores-fazem-um-minuto-de-silencio-pelas-quase-270-mil-vitimas-da-covid-19.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Vai à Câmara texto que reconhece estado de emergência e simplifica ações contra a covid-19 — Senado Notícias

O Senado aprovou nesta terça (13) projeto (PL 1.315/2020) que permite a adoção de ações …