Informativo de Jurisprudência é reestruturado e passa a ter divulgação semanal – STJ

Com o objetivo de fornecer aos usuários informações mais rápidas e atualizadas sobre os julgamentos do Superior Tribunal de Justiça (STJ), o Informativo de Jurisprudência foi reestruturado.

A mudança foi inaugurada na edição 685, publicada em 22 de fevereiro. A partir de agora, o Informativo será publicado toda semana, sempre nas segundas-feiras, e não mais quinzenalmente.

Entre as principais modificações, está o novo visual da página do periódico, concebido para facilitar a navegabilidade e melhorar a experiência do usuário. Visualizar a edição mais recente, pesquisar por ramos do direito ou por data, encontrar edições anteriores – tudo ficou descomplicado nesse novo leiaute.​​​​​​​​​

A nova página do Informativo de Jurisprudência do STJ, que agora passa a ser divulgado toda segunda-feira.

A modernização do Informativo integra um esforço de aperfeiçoamento dos produtos disponibilizados pela Secretaria de Jurisprudência, que, em setembro do ano passado, lançou sua nova página no site do STJ.

Agilida​​de

As notas que compõem o Informativo de Jurisprudência são produzidas a partir das sessões dos órgãos colegiados (turmas, seções e Corte Especial), observados os critérios de relevância, novidade e contemporaneidade dos temas em discussão.

Dessa forma, as informações sobre os julgamentos passam a ser divulgadas com mais celeridade, uma vez que as notas têm por base o voto prolatado pelo ministro relator, antes mesmo da publicação do acórdão. 

A Secretaria de Jurisprudência também criou um canal direto de comunicação com os gabinetes dos ministros, de forma a facilitar a indicação dos processos a serem divulgados no Informativo.​

Fonte Oficial: http://feedproxy.google.com/~r/STJNoticias/~3/qINDYpWHIFw/15032021-Informativo-de-Jurisprudencia-e-reestruturado-e-passa-a-ter-divulgacao-semanal.aspx.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

STJ chega à marca de 735 mil decisões durante o trabalho remoto – STJ

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) proferiu mais de 735 mil decisões desde o início …