STF atende a OAB e confirma que Ministério da Saúde deve divulgar dados sobre a pandemia – OAB

O Supremo Tribunal Federal atendeu ao pedido da OAB Nacional, reiterando na última sexta-feira (12), os fundamentos das medidas cautelares anteriormente referendadas, que julgou parcialmente procedente a Arguição de Descumprimento de Preceito Fundamental (ADPF) 692. A OAB solicitou o restabelecimento da divulgação oficial dos dados da pandemia na página oficial do Ministério da Saúde, conforme realizado até o dia 4 de junho de 2020.

A Ordem entendeu que a mudança estava na contramão da desejada transparência sobre o avanço da covid-19 e viola preceitos fundamentais da Constituição, como o acesso à informação, os princípios da publicidade e da transparência da administração pública e o direito à saúde.

O presidente da OAB Nacional, Felipe Santa Cruz, apontou a decisão como fundamental na estratégia de enfrentamento da pandemia. “Considero mais uma vitória importante e mais uma contribuição que a OAB busca dar, em um momento tão trágico que vive nossa sociedade, para que a transparência por parte dos órgãos públicos e o direito à informação sejam base para que a necessária estratégia de combate ao coronavírus seja feita em cima de dados, e não de obscurantismo”, disse.

A decisão determina que o Ministério da Saúde mantenha a divulgação diária dos dados epidemiológicos relativos à pandemia, inclusive em sua página oficial, e com os números acumulados de ocorrências. A decisão abrange outro pedido formulado pela Ordem, para que o governo do Distrito Federal se abstenha de usar novo método  de contabilidade dos casos e óbitos decorrentes da pandemia e mantenha a divulgação dos dados na forma como era veiculada até o dia 18 de agosto de 2020.

O ex-presidente da OAB Nacional e presidente da Comissão Nacional de Estudos Constitucionais, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, falou sobre a importância da decisão. “A informação é a base de um planejamento eficiente e essencial para a conscientização da sociedade. Uma República pressupõe o pleno conhecimento sobre os dados que digam respeito ao corpo social”, disse ele.

Fonte Oficial: http://www.oab.org.br/noticia/58737/stf-atende-a-oab-e-confirma-que-ministerio-da-saude-deve-divulgar-dados-sobre-a-pandemia.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Comissão promoverá debate internacional sobre desenvolvimento sustentável e transição digital – OAB

A OAB Nacional, por meio da Comissão Nacional de Relações Internacionais (CNRI), vai promover uma …