Barroso pede apoio dos TREs para incentivar candidaturas de mulheres e pessoas negras — Tribunal Superior Eleitoral

“Nós, do Tribunal Superior Eleitoral, consideramos muito importante, para empurrar nossa história na direção certa, a atração e a viabilização de mais mulheres na política. Também, por uma questão de justiça racial e interesse do país, ajudar a viabilizar as candidaturas de pessoas pretas e pardas no Brasil”. A declaração do presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, marcou a abertura do III Encontro Virtual do Colégio de Presidentes dos Tribunais Regionais Eleitorais (Coptrel), nesta quinta-feira (18).

De acordo com o ministro, o TSE está “vigilante para evitar retrocessos nessas duas matérias”. Barroso afirmou que o Tribunal mantém uma “campanha” para que pelo menos 30% dos órgãos diretivos dos partidos sejam integrados por mulheres.

Ele ainda destacou o apoio dos presidentes dos tribunais regionais eleitorais no processo eleitoral ocorrido em meio à pandemia de Covid-19 e informou que, em relação ao próximo pleito, todas as providências possíveis e necessárias estão sendo tomadas.

Prestação de contas

Entre outros temas, o presidente do TSE mencionou o atual sistema de prestação de contas por candidatos e candidatas. “Consideramos extremamente insatisfatório, burocrático e produz poucos resultados. Portanto, estamos investindo em uma mudança do sistema de prestação contas para unificar estações de contas de partidos e de candidatos em um único sistema”, revelou.

Despedida

O encontro marca o fim da gestão do desembargador Jatahy Júnior, presidente do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), da presidência do Colégio. O presidente do TRE de Roraima, desembargador Leonardo Cupello, será o novo presidente do Coptrel, tendo como vice o desembargador Otávio Praxedes, que preside o TRE de Alagoas.

Segundo Jatahy Júnior, desde que assumiu o cargo, há um ano, as reuniões já eram virtuais. “Planejei uma despedida diferente, em um grande encontro na Bahia. Mas, em vez de lamentarmos, temos que agradecer a oportunidade de, com saúde e vitalidade, estarmos reunidos para nos desincumbirmos das nossas missões e exercermos nossas funções de magistrados”.

Medalha

Durante o evento, o presidente do TSE foi agraciado com a Medalha Ministro Carlos Augusto Ayres de Freitas Britto. A honraria é conferida àqueles que, por seus méritos e relevantes serviços prestados à Justiça Eleitoral, destacaram-se pelo saber jurídico, pela experiência no exercício da função ou pela cooperação material ou humana propiciadora de efetiva melhoria e dinamização do mister eleitoral. Também receberam a comenda os ministros do TSE Luiz Edson Fachin (vice-presidente), Alexandre de Moraes, Luis Felipe Salomão (corregedor), Mauro Luiz Campbell Marques, Tarcísio Vieira de Carvalho Neto e Sérgio Silveira Banhos, bem como outras autoridades do Supremo Tribunal Federal (STF), do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e dos tribunais regionais.

Esta é terceira edição virtual do Coptrel, tendo em vista que a Justiça Eleitoral segue em trabalho remoto devido à pandemia de coronavírus. Além dos 27 presidentes dos TREs e de representantes do TSE, o evento on-line conta com a participação dos diretores-gerais e de assessores de comunicação dos respectivos tribunais. O evento, que será realizado durante esta tarde, tem como tema central os “Desafios da Justiça Eleitoral”.

AL/LG, DM

Fonte Oficial: https://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2021/Marco/barroso-pede-apoio-dos-tres-para-incentivar-candidaturas-de-mulheres-e-pessoas-negras.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Por meio de resoluções, TSE orienta serviços internos e regulamenta a legislação — Tribunal Superior Eleitoral

A principal função da Justiça Eleitoral (JE) é cuidar da organização das eleições e trabalhar …