Gestão de Pequenos Escritórios é tema de live promovida por comissão – OAB

A OAB Nacional, por meio de sua Comissão Especial de Gestão, Empreendedorismo e Inovação, realizou na noite desta quinta-feira (18) mais uma rodada do CEGEI Talks, com o tema Gestão de Pequenos Escritórios. Esta foi a segunda edição da série, que promoverá um total de 10 rodadas de conversas, uma por mês. O debate foi transmitido ao vivo pelo canal oficial da OAB no YouTube. Cada edição disponibiliza um infográfico com os principais pontos debatidos, que serão reunidos em um e-book.

O vice-presidente da Comissão Especial de Gestão, Empreendedorismo e Inovação, Antonio Abdalla, realizou a abertura desta edição. Ele destacou o CEGEI Talks como uma forma de reunir pontos de vista. “O Cegei Talks é um projeto extremamente interessante, que nasceu dentro da comissão e que tem como objetivo fomentar o debate de diversos temas. Todo esse conjunto de ideias será consolidado e disponibilizado ao final de nossos dez eventos”, disse ele. “Conhecimento faz toda a diferença”, acrescentou ele.

O Presidente da Comissão de Direito Privado e Empreendedorismo Jurídico da OAB-SE, Thiago Noronha, apontou a importância de realizar o debate com um olhar regional. “Temos vários ‘Brasis’ e quando falamos de uma profissão como a advocacia, falamos de realidades muito diferentes, nas diversas regiões do nosso país continente. São realidades que foram transformadas de forma muito rápida pelo contexto da pandemia. Então, sem perder esse horizonte de transformação em um período tão curto, sempre tive a vontade de trazer para esse debate um contexto mais regional para falar sobre gestão”, afirmou.

Dentre os vários temas abordados no CEGEI Talks, que tem um formato mais informal e voltado ao diálogo constante dos convidados, houve destaque para a questão do planejamento estratégico no contexto dos escritórios de advocacia, especialmente voltados para uma mudança de mentalidade sobre como traçar metas.

O presidente do Instituto de Gerenciamento de Projetos de Sergipe, Manoel Paixão, falou sobre métodos já consolidados em outros segmentos e que ganham espaço na advocacia. “Geralmente as empresas realizam anualmente o planejamento estratégico. Muitas colocam diretrizes no papel e seguem a vida sem olhar para aquilo. Hoje utilizamos muito OKRs (Objetivos e Resultados Chave, da sigla em inglês) e trabalhamos com períodos mais curtos, de poucos meses, por exemplo, e não mais em anos. Há também as checagens quinzenais dos objetivos e o trabalho com equipes multidisciplinares”, disse ele.

A advogada tributarista Laura Figueiredo falou sobre o tema e assinalou o planejamento como o ingrediente mais significativo para pensar ou reformular a estratégia de gestão de escritórios. “As empresas têm uma tendência, e na advocacia não é diferente, a adotar um padrão de metas anuais. Porém, isso vem mudando. No meu escritório adoto as metas de curto, médio e longo prazos. Isso facilita bastante, tanto nas medições quanto no desempenho. Também ajuda com a formação das equipes direcionadas para determinadas atribuições. Isso contribui muito com as tomadas de posição diante de determinados cenários que surgem e que não obedecem a uma lógica temporal anual. Tudo é muito rápido”, declarou ela.

Fonte Oficial: http://www.oab.org.br/noticia/58747/gestao-de-pequenos-escritorios-e-tema-de-live-promovida-por-comissao.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Confira Também

Marketing jurídico e novo provimento sobre publicidade na advocacia são debatidos em webinar – OAB

A OAB Nacional, por meio de sua Comissão Especial de Gestão, Empreendedorismo e Inovação (CEGEI), …