Ouvidoria do TSE aprimora atendimento em prol do eleitor — Tribunal Superior Eleitoral

Os canais de comunicação do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com as eleitoras e os eleitores, como a Ouvidoria da Corte, vêm a cada ano aprimorando o atendimento ao público, resultando em maior agilidade no encaminhamento das solicitações junto às áreas técnicas do órgão e aos 27 Tribunais Regionais Eleitorais (TREs).

No primeiro semestre de 2019, a equipe da Ouvidoria do TSE recebeu 9.548 demandas. No mesmo período, em 2020, foram registradas 20.084 solicitações (ampliadas, principalmente, devido ao período eleitoral). E neste ano, somente até o final de junho, a área recebeu 28.330 demandas, por meio do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC).

Simone Trento, ouvidora do Tribunal e juíza auxiliar da Presidência do TSE, destaca que o número de demandas vem aumentando na medida em que o sistema é aprimorado. Contudo, segundo ela, diminuiu o número de solicitações encaminhadas às unidades, pois o formato atual de envio dos pedidos pelo cidadão – por formulário digital e telefone – tem facilitado e melhorado as ações da Ouvidoria.

“Um trabalho atencioso da equipe da Ouvidoria tem reduzido o número de encaminhamentos para as unidades, em virtude de um aprimoramento nas ferramentas de respostas. Desde 2020, aperfeiçoamos nosso banco de dados com resoluções prévias, padronizando o atendimento, diminuindo o tempo de resposta e os reencaminhamentos de demandas desnecessárias”, destaca.

Acessibilidade e inclusão

As diretivas de atuação do TSE em prol da inclusão de jovens na política, da conscientização de eleitores e de uma maior participação feminina na vida pública também fomentam a atuação da Ouvidoria. Um projeto iniciado no mês de junho deve ser desenvolvido para implementar, no formulário de atendimento, demandas relativas a assédio e discriminação.

A atuação segue as recomendações do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que indicam a necessidade de atendimento, nos órgãos do Judiciário, de novas demandas sociais, como a inclusão de gênero e de cor, bem como o atendimento às necessidades especiais e o tratamento de questões como bullying, assédio, pobreza, falta de acesso à educação, entre outras.

Acesse aqui o canal da Ouvidoria do TSE e saiba mais sobre os serviços.

Números

Em 2020, a equipe da Ouvidoria do TSE realizou 42.149 atendimentos registrados no SAC e outros 27.887 por telefone. Nos dias de eleição, incluindo o primeiro e o segundo turnos, foram contabilizados 2.539 atendimentos. No ano passado, as demandas recebidas por e-mail totalizaram 1.255. Assim, o total de pedidos respondidos chegou a 71.291.

Já no primeiro semestre de 2021, dos 28.330 atendimentos, 14.258 foram recebidos por telefone, 14.065 pelo formulário de internet, 5 por e-mail, 1 por carta e 1 pessoalmente. Os principais pedidos recebidos dizem respeito a informações sobre direitos eleitorais, título de eleitor, orçamento da Justiça Eleitoral e urna eletrônica, além de sugestões e solicitações via Lei de Acesso à Informação e denúncias.

As demandas vieram principalmente das seguintes unidades da Federação: São Paulo, Rio de Janeiro, Distrito Federal, Minas Gerais, Goiás, Rio Grande do Sul, Bahia, Santa Catarina e Paraná. Também foram registradas diversas solicitações de outros países.

Quanto ao índice geral de satisfação dos cidadãos que procuraram a Ouvidoria, em junho deste ano ele ficou em 88,58, sendo 100 o índice máximo a ser atingido.

Contato com a Justiça Eleitoral

Além do atendimento virtual feito via formulário da Ouvidoria, é possível se comunicar com o setor pelos telefones (61) 3030-7357 (das 13h às 17h) e (61) 3030-7578/ 3030-9273/ 3030-7579 (das 13h às 18h).

Em virtude do regime de teletrabalho determinado como prevenção ao avanço da pandemia de Covid-19, os atendimentos por carta e presencial estão temporariamente suspensos.

TP/LC, DM

Leia mais:

02.07.2021 – Saiba como entrar em contato com a Ouvidoria do TSE

16.03.2021 – Ouvidoria da Justiça Eleitoral é canal direto com o cidadão

Fonte Oficial: https://www.tse.jus.br/imprensa/noticias-tse/2021/Julho/ouvidoria-do-tse-aprimora-atendimento-em-prol-do-eleitor.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Produtos Recomendados

Confira Também

Princípio da anualidade garante segurança jurídica ao processo eleitoral — Tribunal Superior Eleitoral

Há 28 anos, a aprovação da Emenda Constitucional nº 4, em 15 de novembro de …