Outubro Rosa no Congresso terá audiências, exposições e campanhas solidárias — Senado Notícias

O Congresso Nacional inaugura, na próxima segunda-feira (4), a programação do Outubro Rosa, que marca o mês da conscientização sobre o câncer de mama. Os eventos se estenderão por todo o mês e incluirão audiências, palestras, exposições, campanhas de doação e exames médicos gratuitos. O Senado também lançará a segunda edição do seu Plano de Equidade de Gênero e Raça.

O início oficial do Outubro Rosa será marcado pela iluminação das torres e das cúpulas do Congresso com a cor-tema da campanha, a partir das 18h de segunda-feira. O rosa simboliza a preocupação com a prevenção, o diagnóstico precoce e o tratamento do câncer de mama.

— A iluminação especial que o Congresso Nacional recebe até o final do mês de outubro é o símbolo do nosso comprometimento com o esforço internacional na luta contra o câncer de mama — destaca a senadora Leila Barros (Cidadania-DF), que comanda a Procuradoria Especial da Mulher.

Eventos

A Secretaria da Mulher da Câmara dos Deputados vai promover audiências públicas em todas as quintas-feiras do mês de outubro, sempre a partir das 15h. Elas irão discutir aspectos do combate ao câncer de mama no Brasil. Todas terão transmissão ao vivo pelos canais de YouTube da Câmara e da Secretaria.

  • 7/10: A importância da navegação de pacientes para a melhoria da atenção ao câncer de mama

  • 14/10: O enfrentamento ao câncer de mama nas jovens mulheres – 18 a 49 anos

  • 21/10: As consequências da pandemia para o diagnóstico e tratamento do câncer de mana e de útero no Brasil

  • 28/10: A aplicabilidade das leis 10.223/2001, 12.802/2013 e 13.770/2018 da reconstrução mamária no Brasil

— É nosso dever contribuir para acolher, orientar e ajudar as mulheres na garantia de seus direitos, no enfrentamento à violência e na ampliação de políticas públicas — afirma a deputada Tereza Nelma (PSDB-AL), da Procuradoria da Mulher da Câmara.

O Congresso também marcará o mês com atividades artísticas, todas promovidas pela Recomeçar – Associação de Mulheres Mastectomizadas de Brasília. Do dia 4 até o dia 29 de outubro, o Espaço Galeria, do Senado, receberá a exposição Simplesmente Amor, com fotografias de mulheres mastectomizadas. Já no dia 19 – data em que se celebra o Dia Internacional de Combate ao Câncer de Mama -, a partir das 18h, o prédio do Congresso receberá projeção de imagens e frases de conscientização sobre a doença.

Solidariedade

A Liga do Bem – entidade formada por servidores e colaboradores do Senado para ações de voluntariado – vai promover durante o mês campanha de arrecadação de cabelos e de acessórios para doação à Rede Feminina de Combate ao Câncer e ao Hospital da Criança de Brasília José Alencar. Os itens poderão ser deixados em caixas localizadas nas entradas principais do Senado e da Câmara. Servidores, parlamentares e também o público externo estão convidados a participar. Salões parceiros realizarão os cortes dos cabelos para doação. Os acessórios aceitos são lenços, bonés, chapéus, perucas, laçarotes e tiaras, entre outros.

O Congresso também promoverá mamografias gratuitas para funcionárias terceirizadas.

Plano

O Senado aproveitará o Outubro Rosa para lançar, no dia 25, a segunda edição do seu Plano de Equidade de Gênero e Raça. Trata-se de um documento que orienta para a promoção de ações de gestão para avanço dessa temática dentro da Casa. O Plano tem duração de dois anos.

A primeira edição do Plano, lançada em 2019 e ainda vigente, traz 28 objetivos distribuídos em cinco eixos: Comunicação, Educação, Cultura Organizacional, Gestão e Saúde. Um grupo de trabalho formado por servidores de vários setores acompanha o cumprimento das metas. Ao final deste ano, esse grupo publicará um relatório avaliando o desempenho do Senado dentro dessas diretrizes e o estado das políticas de igualdade implementadas internamente.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/09/30/outubro-rosa-no-congresso-tera-audiencias-exposicoes-e-campanhas-solidarias.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Produtos Recomendados

Confira Também

CDH pode votar prioridade à mulher chefe de família no financiamento imobiliário — Senado Notícias

Quatro itens estão na pauta da reunião semipresencial da Comissão de Direitos Humanos (CDH), às …