Tribunais de Justiça da Região Sul vão expandir Justiça digital

Os Tribunais de Justiça de Santa Catarina (TJSC), do Paraná (TJPR) e do Rio Grande do Sul (TJRS) firmaram compromisso para expansão do Juízo 100% Digital, do Balcão Virtual e dos Núcleos de Justiça 4.0 em suas unidades. Representantes dos tribunais participaram, na quinta (30/9) e sexta-feira (1º/10), de reunião com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) para debater a implantação do Programa Justiça 4.0.

No documento, que traz metas e prazos para cada tribunal, também é priorizada a integração dos sistemas de tramitação de processos judiciais à Plataforma Digital do Poder Judiciário Brasileiro e a implantação do Codex nas bases dos sistemas processuais. O Codex é a plataforma responsável por consolidar as bases de dados processuais, provendo conteúdo textual de documentos e dados estruturados que podem ser utilizados tanto pela Base Nacional de Dados do Poder Judiciário (Datajud) como em modelos de inteligência artificial.

Conheça mais sobre o Codex no canal do CNJ no YouTube

O Justiça 4.0 é uma parceria do CNJ com o Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud) e o Conselho da Justiça Federal (CJF) para aprimorar o acesso e a prestação de serviços do Judiciário. “O CNJ está envolvido em um grande convênio internacional com o Pnud para o lançamento de várias plataformas e soluções digitais, que irão permitir a integração da política judiciária nacional, da Plataforma Digital e demais softwares que facilitarão a prestação jurisdicional por parte dos magistrados e magistradas brasileiras”, destacou o secretário especial de Programas, Pesquisas e Gestão Estratégica do CNJ, Marcus Lívio Gomes.

Este foi o segundo encontro regional realizado pelo CNJ em parceria com os tribunais de Justiça. O primeiro foi realizado na região Sudeste no final de agosto. Os próximos serão na região Centro-Oeste (dias 7 e 8 de outubro) e Nordeste (14 e 15 de outubro). “Os encontros regionais que estamos promovendo proporcionam um ambiente em que podemos relatar as conquistas, discutir nossas dificuldades e encontrar soluções para as demandas que temos, eventualmente, na implementação do Programa Justiça 4.0”, explicou o secretário-geral do CNJ Valter Shuenquener.

Realidade local

O presidente do TJSC, Ricardo José Roesler, ressaltou que o Judiciário catarinense tem investido na área tecnológica para “garantir eficiência e celeridade na entrega da nossa atividade-fim”. “O foco da nossa gestão se embasa em inovação e informação. Em termos de virtualização e digitalização dos serviços da Justiça, o Poder Judiciário catarinense está totalmente integrado ao Programa Justiça 4.0.”

O conceito de “Justiça como um serviço” foi ressaltado pelo presidente do TJPR, José Laurindo de Souza Netto, que afirmou que o programa é uma oportunidade de conduzir o Judiciário ao futuro. “No mundo de hoje, a Justiça deve ser encarada como um serviço, portanto deve ser prestada com competência, celeridade e eficiência. O Justiça 4.0 guarda tudo no seu cerne. As barreiras físicas estão sendo eliminadas para que a Justiça seja prestada não mais levando-se em conta o critério territorial, mas o critério de especialização.”

Corregedora-geral do TJRS, Vanderlei Teresinha Kubiak afirmou que o tribunal está “empenhado em oferecer ao cidadão todas as facilidades desse novo modelo de gestão de processos, conferindo maior agilidade e efetividade à prestação jurisdicional”. Para ela, a reunião proporciona a troca de experiências entre os tribunais da região sul do país, o que possibilita “qualificar os projetos e ações tendentes a implantação e consolidação da Justiça 4.0”.

Raquel Lasalvia
Agência CNJ de Notícias

Fonte Oficial: https://www.cnj.jus.br/tribunais-de-justica-da-regiao-sul-vao-expandir-justica-digital/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=tribunais-de-justica-da-regiao-sul-vao-expandir-justica-digital.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Produtos Recomendados

Confira Também

Curso Questões Atuais do Saneamento Básico no Brasil tem apoio do CNJ

Estão abertas até quarta-feira (27/10) as inscrições para o curso Questões Atuais do Saneamento Básico …