Girão afirma que vai apresentar relatório independente na CPI da Pandemia — Senado Notícias

Em pronunciamento, nesta quarta-feira (6), o senador Eduardo Girão (Podemos-CE) afirmou que entregará um relatório independente sobre as investigações conduzidas pela CPI da Pandemia. O senador informou que vai fazer um apanhado de tudo que escutou dentro da Comissão de Inquérito e sobre o que deixaram de investigar, “para ficar registrado na história”.

Para Girão, a CPI não investigou as irregularidades que teriam ocorrido em estados e municípios por suposto desvio de verbas federais durante a pandemia do covid-19. Além disso, o senador reforçou que, desde o início, narrativas foram construídas para “criminalizar o tratamento preventivo, precoce ou imediato sob orientação médica, com a autonomia dos médicos do Brasil”.

— Mesmo com os gravíssimos escândalos evidenciados por mais de 130 operações da Polícia Federal e da CGU, com o uso de verbas federais, a maioria preferiu a blindagem escancarada de poderosos de estados e municípios. Seu único objetivo, explicitado desde o início, é desgastar apenas um ente federado, no caso, o Governo Federal, com interesses notoriamente eleitoreiros — disse Girão.

O parlamentar também registrou que, desde o começo dos trabalhos da CPI, solicitou por mandado de segurança a suspeição do relator, senador Renan Calheiros (MDB-AL), por ser pai de um governador.

— É um conflito de interesses que não tem como realmente ser solucionado, e é o que a gente viu nesse espetáculo eleitoral que vai se concluir na próxima semana — afirmou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: https://www12.senado.leg.br/noticias/materias/2021/10/06/girao-afirma-que-vai-apresentar-relatorio-independente-na-cpi-da-pandemia.

​Os textos, informações e opiniões publicados neste espaço são de total responsabilidade do(a) autor(a). Logo, não correspondem, necessariamente, ao ponto de vista do Portal do Magistrado.

Comentários

Produtos Recomendados

Confira Também

CDH pode votar prioridade à mulher chefe de família no financiamento imobiliário — Senado Notícias

Quatro itens estão na pauta da reunião semipresencial da Comissão de Direitos Humanos (CDH), às …