in

Leila pede planejamento contra desastres naturais após visita ao RS

Em pronunciamento no Plenário, na terça-feira (25), a senadora Leila Barros (PDT-DF) destacou o trabalho da comissão temporária externa que acompanha a calamidade no Rio Grande do Sul durante visita ao estado. A senadora descreveu a devastação observada nos municípios de Encantado, Roca Sales e Lajeado como “um desastre de proporções nunca vistas e com impactos incalculáveis”.

— Quando vi de perto a real dimensão do estado que foi tomado pelas águas, eu sinceramente senti medo. É intimidador ver postes quebrados, placas retorcidas e a vegetação completamente destruída. Parece que caiu uma bomba. A preocupação maior é com a retomada dos serviços públicos e privados de saúde. Os hospitais foram completamente destruídos — disse.

A senadora criticou a flexibilização de normas ambientais e defendeu um planejamento urbano mais “inteligente e adaptado às novas realidades do clima”. Ela sugeriu investimento em monitoramento e estudos das mudanças climáticas. Leila fez um apelo aos colegas senadores para que o Congresso possa promover estratégias de adaptação para evitar tragédias como a ocorrida no Rio Grande do Sul.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

— Precisamos garantir que as políticas públicas estejam alinhadas com a segurança climática e que medidas concretas sejam tomadas para proteger nossas comunidades e ecossistemas. A estratégia de passar a boiada nos trouxe esse momento trágico. É responsabilidade deste Parlamento garantir regramento normativo para impedir, minimizar e promover estratégias de adaptação a esses cenários climáticos extremos que serão cada vez mais frequentes — enfatizou.

Agência Senado (Reprodução autorizada mediante citação da Agência Senado)

Fonte Oficial: Agência Senado

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

CNJ atende OAB e determina correção e suspensão do Domicílio Judicial Eletrônico

Zequinha Marinho critica recomendação do MPF sobre crédito rural na Amazônia